07 abril 2012

Gambiarras

A cama quebrou. De um lado está suspenso por uma pilha de livros que volta e meia escorrega e tem que ser refeita. Mais acima tem outra pilha de livros porque a barra horizontal do estrado estava estalando perigosamente e pelo menos desse lado tudo se resolveu. Minha estante inclina perigosamente para a esquerda, um dia tudo pode ir abaixo devido ao peso dos livros. A torneira do chuveiro arrebentou e a solução sem quebrar a parede foi instalar uma válvula entre o cano e o chuveiro. Meu PS2 não quer mais funcionar em alguns momentos e com alguns jogos. O controle também de vez em quando some, tendo que mexer o cabo até voltar (e assim estragando cada vez mais). Não tenho armário e minhas roupas ficam penduradas numa arara de camarim. Muito estiloso isso, mas sempre vítimas da poeira e da ação do sol. Minha mesa do computador, sabe-se como depois de uma obra, conseguiram quebrar a prateleira móvel onde ficava o teclado e o mouse e eles estão mais altos do que deveriam estar. Meu computador então é o pior dos casos, Já queimou tanta coisa, que não consigo instalar mais nada nele. Não consigo usar o meu perfil a mais de um ano, não tem Drive de DVD/CD, o HD está repleto de Bad Blocks e se eu tento abrir certas pastas ele trava. A internet sem fio que ele tem via USB de vez em quando para de funcionar. Se eu deixo ele ficar muito tempo sem ser usado, ele congela e nunca mais sai.

E eu não tenho dinheiro para consertar nada disso. Falta pagar a última parcela do que devo ao cartão e ainda nem tenho esse montante. Tudo que me sobra mal dá para ver a namorada.

Eu tenho certeza que se eu parar para pensar quando a minha vida começou a dar errado eu sei, eu conheço o ponto que foi. Mas o importante é que eu quero e preciso sair disso. Só não consigo.

E hoje a noite, a lâmpada do teto, mesmo quando desligada, dará umas piscadas de repente, como se fosse ligada e desligada, como já vem fazendo algum tempo.

Um comentário:

Cecília M. disse...

Falta de grana é uma merda, me solidarizo. Também sei exatamente em que momento a coisa degringolou na sua vida e acredito que você tenha vontade de mudar. Existem apostas que demoram a vingar. Existem dívidas que demoram a serem liquidadas. E há alguma vezes em que temos que modificar a estratégia de crescimento. Talvez você devesse esperar menos, já deu muito tempo ao tempo, está na hora de mudar. Peça ajuda, não se envergonhe. E vire adulto o mais cedo que puder. Beijos.